Bacalhau vs Sushi

É quase incontornável num casamento português um dos pratos do casamento ser bacalhau ou cabrito. O mesmo acontece noutro tipo de festas como baptizados, jantares de empresa…enfim, um sem número de eventos que pretendem agradar os convidados. Na maioria dos casos até se aceita que assim seja, não é uma questão de tradição, é mais uma questão de paladar, de gastronomia, que agrada quase a gregos e a troianos.

Mas, um casamento não é uma festa para os convidados… é uma festa para os noivos! Talvez 90% das vezes isso passe despercebido… os noivos não usufruem do seu dia, do seu amor, da companhia um do outro… entre o stress dos horários, e do ‘será que estão a gostar?’ que constantemente ocupa o pensamento das noivas, pouco tempo sobra para olharem nos olhos um do outro e fazerem a retrospectiva daquilo que os levou ao altar.

Talvez se tenham conhecido num concerto, talvez sejam amores de infância, talvez tenham dado o primeiro beijo a comer sushi com pauzinhos…. E, naquele dia…o que importa é o bacalhau para os tios e avós que adoram o petisco que lhes faz crescer água na boca? De todo! Aquilo que faz sentido é o sushi (ou outro prato qualquer!)! É relembrar os risos que ambos deram ao pegar naqueles dois pequenos pauzinhos que mal conseguiam manejar e as vezes que o arroz do sushi se desfez no molho de soja!

Os convidados não podem reclamar da ementa, tem mesmo é de se arrepiar ao sentir o amor que está no ar e aproveitar para se rir também da pouca destreza de uns e da máxima habilidade de outros! Arrisquem-se a ser felizes e a provar que isso vale mais do que uma ementa! Seja com sushi, com hambúrguer ou cachorro quente!

 

Fotos iniciando no coração de sushi
Fushimigroup através de Pinterest
Pincookie através de Pinterest
Margaux Photography através de Style Me Pretty
Katie Stoops Photography através de Style Me Pretty
Alexander James através de Elizabeth Anne Designs

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *